728 x 90

RALF SCHINKE, 30 anos na arte artesanal de criar joias

  • Moda
  • 06/04/2017 - 15:54
  • 1544 Views

Um artista de muitas sensibilidades, Ralf Schinke é mais conhecido pela arte de criar e produzir jóias em seu estúdio na Praça Maurício Cardoso, no bairro Moinhos de Ventos, em Porto Alegre. Ainda menino, com apenas oito anos de idade, já exibia seus dotes artísticos ao lado da mãe, Gisela Schinke, em exposições em aquarela e óleo e em apresentações ao violino pelas cidades próximas à Estrela, onde nasceu e onde a família é muito reconhecida pela preciosa e imponente coleção de antiguidades preservada até hoje, com mais de 4 mil peças de diferentes épocas e origens.

A mescla cultural parece ser um fator determinante no trabalho de Ralf Shinke. Suas peças são marcadas pela total diversidade de estilos, que vão do clássico ao moderno, da simplicidade das formas à assimetria e variedades de materiais. O conhecimento artístico que possui faz com que muitas de suas joias pareçam verdadeiras esculturas.

Na década de oitenta, o artista frequentou o Instituto de Belas Artes da UFRGS e foi para a Alemanha para uma temporada de estudos na KUNSTAKADEMIE, em Duesseldorf. Foi ai na terra de seus antepassados que ele iniciou a sua carreira como designer de jóias ou artista joalheiro, como prefere definir o seu ofício. O primeiro atelier foi instalado na sua volta ao Brasil, em João Pessoa, na Paraíba, em 1986. Na década de 90 retorna a Porto Alegre e consolida a sua marca Ralf Schinke em uma série de coleções e exposições criadas nos seus estúdio/loja instalados em frente à charmosa na Praça Maurício Cardoso, em 1997, no andar de cima do emblemático Sanduiche Voador e, em 2013, em estúdio vizinho ao arquiteto Pedro Simch.

Seus trabalhos já foram apreciados em Berlim, Frankfurt, Munique, Lisboa e Palma de Mallorca. No Brasil, muitas de suas joias puderam seu admiradas em exposições nas cidades de Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, e mais recentemente na Galeria AZ, em Bagé (RS), e em Paraty, na FLIP 2016. Alguns de seus aneis, colares, brincos e pingentes contribuíram para levar beleza às edições da Casa Cor de Porto Alegre, Brasília e Punta del Este, no Uruguai. Também em seu curriculum, cursos e consultoria em design no Projeto SEBRAE-EXPORT/Setor de Pedras Preciosas e no Ateliê de Pintura da Prefeitura de Porto Alegre.

Divulgação: Neiva Mello
Fotos: Nicholas Galvão (Ralf) e divulgação