728 x 90

Obras de Hugo França em leilão inédito na Villa Sergio Bertti

Pela primeira vez no estado será realizado um leilão exclusivo com obras do escultor reconhecido internacionalmente. No dia 05 de dezembro, às 17h, no complexo da Villa Sergio Bertti, em Gramado, acontece um leilão exclusivamente com obras do escultor gaúcho de maior reconhecimento internacional, Hugo França. Paulo Gasparotto e Norton Fernandes conduzirão o leilão presencial que promete trazer convidados de todo o Brasil.

Com a curadoria de Cézar Prestes, uma exclusiva seleção de esculturas criadas em madeiras nobres serão leiloadas. Serão 22 peças: poltronas, bancos, banqueta, cadeira, chaise longue, gamelas e esculturas de chão e de parede.

O grande destaque do leilão será a majestosa mesa de 5,5 metros de comprimento e quase 2 toneladas. Peça única de uma araucária de 3 séculos, tem valor de mercado de U$ 100 mil e será leiloada com lance inicial de U$ 5 mil a parcela.

Para participar, os interessados devem fazer o cadastro antecipadamente no site www.nortonleiloes.com.br. No dia do evento, os lances poderão ser feitos presencialmente, por telefone ou virtualmente através do site.

As esculturas de grandes dimensões e o mobiliário urbano, maior parte da produção de Hugo, foram beneficiados pela Lei 10036 que entrou em vigor recentemente e que promete movimentar o mercado de arte. Segundo a Lei 10036: “Art. 1º Toda edificação, com área adensável igual ou superior a 2.000 m2 (dois mil metros quadrados) que vier a ser construída no Município de Porto Alegre deverá conter, em local de visibilidade à população, obra de arte original, executada em escultura, vitral, pintura, mural, relevo escultórico ou outra forma de manifestação de artes plásticas, sem caráter publicitário.” Grandes construtoras já estão de olho nas ultimas produções e prometem marcar presença no evento.

Parte da renda arrecadada com as vendas será revertida para a Casa de Repouso Vovó Doralina, de Gramado.

Sobre Hugo França:

Hugo França nasceu em Porto Alegre, em 1954. Em busca de uma vida mais próxima da natureza, mudou-se para Trancoso, na Bahia, no início da década de 80, onde viveu por 15 anos. Lá, percebeu o grau de desperdício na extração e uso da madeira, vivência que pautou seu trabalho. Desde o final dos anos 1980, desenvolve "esculturas mobiliárias", expressão usada primeiramente pela crítica Ethel Leon e adotada pelo designer por sua precisão em descrever a produção que ele executa a partir de resíduos florestais e urbanos - árvores condenadas naturalmente, por ação das intempéries ou pela ação do homem.

As peças criadas pelo designer nascem de um diálogo criativo com a matéria-prima: tudo começa e termina na árvore. Ela é a sua inspiração; suas formas, buracos, rachaduras, marcas de queimada e da ação do tempo provocam sua sensibilidade e o conduzem a um desenho cuidadosamente escolhido, uma intervenção mínima que gera peças únicas.

Sobre a Galeria da Villa:

Aberta ao público há um ano, com curadoria de Cézar Prestes, a Galeria da Villa leva ao público de Gramado exposições e ações culturais junto à comunidade, como encontros com escolas e debates com artistas gaúchos. Entre as inovações, estão os Ateliês dos artistas Hugo França e BezBatti, que serão executados em nova fase do complexo da Villa Sergio Bertti, em 2016. Em uma ação inédita no Rio Grande do Sul, Hugo França e BezBatti fizeram um trabalho inspirador dentro do complexo, diretamente no Jardim da Villa, para suas respectivas exposições.

PS: Suzana Tonin e a equipe da joalheria SARA estarão na Villa Sergio Bertti apresentando as lindas criações da designer da marca, Laja Zylbermann, para o verão 2016.

Fotos: Claudio Fonseca

SERVIÇO LEILÃO:
O QUE: Leilão de obras de Hugo França
ONDE: Av. Borges de Medeiros, 4840 | Gramado/RS
QUANDO: 05 de dezembro de 2015
HORÁRIO: 17h recepção, 18h leilão presencial

www.nortonleiloes.com.br